Caros clientes e colaboradores!

 

Já não falta muito para as nossas merecidas férias. Ainda assim, gostaria de lhe recomendar uma leitura maravilhosa para levar consigo – que também tem a ver com a nossa área de trabalho. “O Tradutor” de John Crowley conta a história do encontro entre um poeta russo e a sua tradutora americana na altura da crise dos mísseis de Cuba. A tradutora confessa ao escritor que acaba de ler um dos seus poemas, escrito em inglês, mas o poeta afirma que na tradução, o poema já não lhe pertence. Esta obra retrata o poder das palavras, as possibilidades da compreensão e os perigos da não compreensão, e a noção de que uma tradução literária é sempre, por si só, um texto independente. “Um romance que afirma e celebra a linguagem”, como referiu a revista Book Magazine. Com livros assim, o verão será certamente muito agradável.

 

Vossa,

Ester Ramos